Cadernos 18 (2) 2008

14-1



 




Os Escritos Econômicos de Berkeley

Autor: Maurício C. Coutinho

Resumo: A reavaliação das contribuições de Berkeley à história do pensamento econômico tem-se concentrado em três questões: sua discordância com as idéias mercantilistas, as precoces contribuições à teoria do desenvolvimento e as posições de vanguarda em economia monetária. Neste último campo, Berkeley é tanto visto como o sucessor de Locke quanto como um pioneiro defensor de um padrão monetário não metálico. O artigo revisa as principais idéias econômicas de Berkeley e busca efetuar um balanço de suas contribuições aos diversos campos da economia, em particular à economia monetária. Por meio de comparações com Locke e Hume, dá-se ênfase ao papel do moralista e ao peso dos argumentos morais na visão econômica de Berkeley.
Palavras chave: Berkeley. Economia de Berkeley. Economia monetária. Papel moeda.


Download pdf


A Oposição de Berkeley ao Ceticismo


Autor: Jaimir Conte

Resumo: Um dos principais objetivos de Berkeley nos Princípios e nos Três Diálogos, como expressamente enunciado nos títulos completos dessas duas obras e nos cadernos de anotações que antecipam sua elaboração, é a refutação do ceticismo. Este artigo procura explicitar o que Berkeley entende por ceticismo e indicar quais os princípios ou doutrinas que, segundo ele, suscitam as dúvidas dos céticos. Em seguida, procura mostrar como se dá a oposição de Berkeley ao ceticismo. No final, sugere que a (suposta) refutação do ceticismo por parte de Berkeley, dada a doutrina que ele mesmo denomina de imaterialismo, não se baseia apenas na defesa do princípio esse est percipi, mas é complementada pela tese de que os objetos e suas qualidades sensíveis são imediatamente percebidos. Uma tese que, na concepção de Berkeley, é compatível com a visão do senso comum, o que sugere que ele talvez pudesse considerar a sua teoria da percepção como uma forma de realismo direto.

Palavras chave: Ceticismo. Representacionalismo. Realismo indireto. Realismo direto.


Download pdf



Berkeley: Uma física sem causas eficientes

Autor: Silvio Seno Chibeni

Resumo: A tese da inexistência de causas eficientes no mundo corporal desempenha papel central na filosofia de Berkeley. Neste trabalho mostra-se, inicialmente, como Berkeley a deriva a partir de sua concepção idealista de corpo e da tese da transparência epistêmica das idéias. Passa-se, depois, ao exame de diversas de suas implicações no âmbito da filosofia da ciência: a concepção de leis naturais, as funções preditiva e explicativa dessas leis, o estatuto epistemológico das hipóteses científicas, o confronto entre o mecanicismo estrito e a visão newtoniana da mecânica, etc. Destaca-se, em cada etapa, como as posições defendidas por Berkeley de fato se enquadram em seu projeto de tornar as ciências naturais "mais fáceis e úteis", pela adesão a um referencial empirista estrito. Ressalta-se, por fim, o cuidado que Berkeley teve de, havendo ele próprio discutido e proposto teses metafísicas diversas e bem conhecidas, separar nitidamente os domínios da filosofia natural e da metafísica. Alguns paralelos importantes entre as teses berkeleyanas no primeiro desses domínios e posições empiristas e anti-realistas na filosofia da ciência contemporânea são brevemente indicados ao longo do artigo.

Palavras chave: Berkeley. Causas. Filosofia natural. Explicações cientícas. Hipóteses científicas. Empirismo.



Download pdf


Consedirações a Respeito do Problema do Rigor Matemático em "O Analista", de Berk

Autor: Alex Calazans

Resumo: O objetivo deste trabalho é tratar do tema do rigor matemático em Berkeley. Mais precisamente, tenta-se identificar, em seu texto "O Analista" (1734), os elementos necessários para avaliar se um método matemático é considerado rigoroso. Isso é feito à luz de um outro problema: o possível papel do princípio de Berkeley "esse est percipi" na fundamentação de sua crítica ao Método das Fluxões, de Isaac Newton. O texto de "O Analista" também é uma resposta aos "livres-pensadores" (como Berkeley os denominou). Observar-se-á que isso gera peculiaridades no "mapeamento" da estrutura argumentativa do problema do rigor nesse texto, isto é, encontraremos, de fato, três momentos centrais a serem analisados: a crítica à inteligibilidade dos objetos matemáticos, a crítica às demonstrações e a contraparte positiva do que ficou conhecido como "compensação de erros".

Palavras chave: Rigor, Método das fluxões, "Esse est percipi"

Download pdf

Berkeley e o Problema de Barrow

Autor: José Oscar de Almeida Marques


Resumo: Em seu Ensaio para uma Nova Teoria da Visão, George Berkeley examina um aparente paradoxo no comportamento de lentes convergentes e espelhos côncavos que se tornou conhecido como o "problema de Barrow". O problema, em si mesmo, não apresenta grandes dificuldades técnicas, e pode ser compreendido por qualquer pessoa com um algum domínio de noções elementares de óptica geométrica, mas o modo pelo qual Barrow o descreve e os diagramas que utiliza para sua apresentação diferem notavelmente dos modernamente empregados, o que pode trazer dificuldades de compreensão mesmo para aqueles que dispõem de um razoável conhecimento do assunto. Como o problema aparece logo ao início do texto do Ensaio, e como a correta compreensão tanto de sua natureza quanto da solução proposta por Berkeley é necessária para acompanhar com proveito o argumento desenvolvido pelo autor, é útil prover uma explicação detalhada da questão. Este trabalho não se limita, entretanto, a um simples deslindamento técnico do assunto, mas provê uma contextualização do problema de Barrow no plano geral do texto de Berkeley, examinando sua função no desenvolvimento do argumento geral do autor. A título de conclusão, faço uma crítica à solução proposta por Berkeley e dou uma breve indicação sobre a forma moderna de se abordar e solucionar a questão.

Palavras chave: Filosofia britânica, Empirismo, Imaterialismo, Óptica.

Download pdf


George Berkeley, "Um Ensaio para uma Nova Teoria da Visão" e "A Teoria da Visão Confirmada e Explicada"

Autor: Tradução e Notas de José Oscar de Almeida Marques

Resumo: Indisponível



Download pdf