Histórico do CLE

O Centro de Lógica, Epistemologia e História da Ciência (CLE) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e a Sociedade Brasileira de Lógica (SBL) completaram 25 anos. O CLE existe, de fato, desde 1976, embora sua criação legal tenha ocorrido a 7 de abril de 1977. Trata-se da primeira instituição universitária de natureza interdisciplinar nos setores de Lógica, Epistemologia e História da Ciência criada no Brasil e, possivelmente, em toda América Latina, visando reunir cientistas oriundos dos diversos ramos do saber científico e filosófico num programa comum e integrado. Na Unicamp, o CLE foi indubitavelmente o primeiro Centro Interdisciplinar de Pesquisa. O CLE conta atualmente com mais de cem membros, constituídos de docentes e pesquisadores de vários institutos e faculdades da Unicamp e de outras universidades brasileiras e estrangeiras.

O CLE já promoveu, desde sua criação, mais de uma centena de eventos de médio e grande portes, além de inúmeras conferências, palestras, cursos e minicolóquios em suas áreas de atuação. Centenas de renomados pesquisadores, nacionais e estrangeiros visitaram o CLE, promovendo atividades de ensino e pesquisa que auxiliaram na projeção do CLE como órgão interdisciplinar de pesquisa reconhecido internacionalmente. No campo das publicações, merecem destaque Manuscrito – Revista Internacional de Filosofia, Cadernos de História e Filosofia da Ciência e Coleção CLE. Mais recentemente, foram criados os CLE e-Prints, revista eletrônica, e também impressa, nas áreas de Lógica, Epistemologia e História da Ciência. A revista The Journal of Non-Classical Logic, criada em 1982, foi o primeiro periódico de circulação internacional na área de lógicas não clássicas, também editado pelo CLE. Em 1991, houve fusão desse periódico, com o Journal of Applied Non-Classical Logics, editado pela Hermes/Lavoisier – França, e sob a responsabilidade do CLE e da Universidade de Toulouse. A Biblioteca “Michel Debrun” do CLE conta com um acervo de aproximadamente 10.000 livros, 1303 separatas, 563 periódicos e 35.195 microfilmes. É, sem dúvida, uma das mais completas bibliotecas nas áreas de atuação do CLE. Os Arquivos Históricos do CLE possuem em seu acervo mais de 80.000 manuscritos, 600 fotografias, 500 fitas cassetes, entre outros. Inúmeros são os projetos de pesquisa em andamento, dentre os quais estão: O Conceito de Auto-organização e suas aplicações em diversas áreas do conhecimento; Colloquium Logicae, Seminários de Lógica Teórica e Aplicada, Seminários de Filosofia da Linguagem; Projeto Probal (intercâmbio científico-acadêmico entre o Centro de Lógica/Unicamp e a Universidade de Karlsruhe – Alemanha). Vários convênios de cooperação científica, com instituições nacionais e estrangeiras, firmados com a Unicamp, tiveram o CLE como interveniente.

É importante salientar que parte significativa dos projetos desenvolvidos no CLE durante estes 25 anos contou com o apoio financeiro predominantemente da FAPESP, além de outros órgãos de fomento à pesquisa (CNPq, Capes, Finep).

Para destacar a relevância do CLE como um centro interdisciplinar de pesquisa com intensa atividade acadêmica de alto nível, podemos mencionar que seu Relatório Trienal de Atividades (1997-1999) obteve, em 2002, o nível máximo conferido pela CAI – Comissão de Atividades Interdisciplinares, órgão auxíliar do Conselho Universitário da Unicamp.

A SBL teve sua fundação formalizada em 14 de fevereiro de 1979, muito embora já existisse desde 1977, quando foi realizado o primeiro Encontro Brasileiro de Lógica. Criada com o objetivo de congregar lógicos e estudiosos de lógica de todo o País, estimular e manter um interesse ativo pela Lógica e suas aplicações, incentivar a pesquisa e contribuir para o aperfeiçoamento neste ramo da ciência, a SBL conta atualmente com mais de uma centena de membros, pertencentes a renomadas instituições de ensino e de pesquisa do Brasil e do exterior. Para a consecução de seus fins, a SBL patrocinou doze Encontros Brasileiros de Lógica, realizados na Unicamp e também em outras instituições de ensino tais como a PUC/RJ, UFPe, UFCe, UFBa. Os EBL’s contaram com a participação de pesquisadores de renome tais como: Newton da Costa, Ayda I. Arruda, A. M. Sette, Roberto Cignoli, E. G. K. Lopez-Escobar, L. W. Szczerba, Daniele Mundici, A. Raggio, Rolando Chuaqui, Xavier Caicedo, Carlos Di Prisco, G. Malinowski, Claudio Pizzi entre outros, e vários deles receberam o apoio institucional da ASL – Association for Symbolic Logic. No plano editorial, a SBL também já publicou anais de encontros por ela patrocinados, inclusive por editoras estrangeiras (AMS Bookstore), bem como boletins anuais divulgando eventos relacionados à Lógica, no Brasil e no exterior. A SBL esteve (e está) sediada no CLE.

Para comemorar os 25 anos dessas duas importantes instituições, optou-se por um evento único, de cinco dias, reunindo os mais significativos nomes nas áreas de lógica, epistemologia e história da ciência, com ampla participação da comunidade acadêmica nacional.

home

:: contato ::